Página Inicial | DOMINGO, 22 DE OUTUBRO DE 2017
Postada por: Jr Lopes dia 02/10/2017
Santos traça metas durante parada do Brasileiro
Compartilhar Notícia
Departamento médico do Santos espera recuperar Renato e Lucas Lima para o próximo compromisso (Foto: Divulgação)


Poucos times se interessam tanto pela pausa do Campeonato Brasileiro quanto o Santos. E o motivo está na tentativa em ter de volta o time titular. Até o duelo contra a Ponte Preta, que será no dia 12, no Moisés Lucarelli, o departamento médico espera recuperar Lucas Lima, Renato e Victor Ferraz.

 

O camisa 10, o mais aguardado, tem chances de se recuperar até a próxima rodada do Brasileirão. O meia tem uma lesão muscular de grau 2 na coxa direita e recebeu o diagnóstico no dia 15 de setembro. Desde então, o tratamento é feito em dois períodos no Cepraf.

 

Na última sexta-feira, véspera do clássico contra o Palmeiras, ele correu em volta do campo, junto de Renato. O volante, inclusive, é o que mais tem chances de atuar contra a Ponte Preta. Seu tornozelo direito está menor em relação ao inchaço que o tirou das últimas partidas.

 

Inicialmente, o camisa 8 tratou dois edemas na perna direita e foi preservado do clássico para que não voltasse a sentir dores na fase final da recuperação.

 

O caso de Victor Ferraz é o mais completo. O lateral-direito tem lombalgia e se queixa de fortes dores nas costas. Desde 2014 o camisa 4 trata o problema crônico e, quando tem crises, não tem previsão de retorno aos gramados. Recentemente, por meio de uma rede social, ele revelou ter dificuldades para andar, tamanha a dor.

 

Fora de campo, os dias sem jogos podem servir para o técnico Levir Culpi aparar algumas arestas. Antes da vitória sobre o Palmeiras, problemas com Vecchio e Leandro Donizete consumiram o treinador.

 

O argentino se queixou de dores na panturrilha na quinta-feira e por isso ficou fora da pré-lista de relacionados. No mesmo dia, disse em seu Twitter que não jogaria o clássico. Por isso, Levir o deixou fora do jogo. Donizete chegou atrasado no mesmo dia e também foi sacado da lista.

 

Na última parada do Campeonato Brasileiro para as Eliminatórias da Copa do Mundo, na qual o Peixe teve 14 dias sem jogos, o aproveitou bem os treinamentos, venceu o Corinthians e empatou com o Barcelona de Guayaquil, no Equador. No entanto, Vecchio, que estava no departamento médico à época, não se recuperou a tempo das duas partidas citadas.

 

Segundo colocado do Brasileirão com 47 pontos, oito a menos do que o Corinthians, o Alvinegro precisará superar marca de 23 pontos conquistados nos mesmos 12 jogos que vai disputar em relação ao primeiro turno para superar o líder.

 

Na sequência contra Ponte Preta, Vitória, Sport, Atlético-GO, São Paulo, Atlético-MG, Vasco, Chapecoense, Bahia, Grêmio, Flamengo e Avaí, o Santos somou 23 pontos no primeiro turno, contra 28 do Timão nas mesmas rodadas.

 

O técnico Levir Culpi reforços, após vencer o Palmeiras, que acredita que é possível cumprir a meta de terminar o ano 14 jogos. O objetivo foi estipulado após a eliminação da Libertadores e duas destas partidas foram vencidas. A maior sequência do Peixe sob o comando de Levir foi de 17 partidas sem perder.


Fonte: Lancenet







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados